Piferviseu - Cash Brico, Lda - Aquecimento Central - História

Aquecimento Central - História

Kit - Aquecimento CentralA fonte de aquecimento central, como uma fornalha ou caldeira, é o principal elemento de tal sistema. A distribuição uniforme do calor em toda a casa é o que faz um sistema de aquecimento central ser revolucionário. William Strutt projetou um sistema de duto de ar aquecido para a sua fábrica na Inglaterra, em 1804. Este sistema não era prático para uma residência até que Schulyer Wheeler, do Nova York, desenvolveu um ventilador elétrico, em 1886.


História

Os romanos antigos aqueciam as suas casas de banho com aquecimento central. Os povos do antigo oriente médio também resfriavam e aqueciam suas estruturas com um sistema central. O princípio por trás destes sistemas antigos era simples. Os pisos eram construídos aproximadamente 5 cm acima do chão e as paredes eram ocas, criando um sistema de correntes de ar. Uma fogueira queimava fora da residência e as correntes de ar varriam o ar quente para toda a estrutura. Os sistemas de refrigeração funcionavam de forma semelhante, sem o fogo. Os ricos podiam manter estes sistemas através de seu acesso a fontes de combustível e ao uso de escravos que constantemente alimentavam o fogo.

Desenvolvimento

O acesso a fontes de mão de obra livre e combustível eram limitados para a maioria das pessoas na maior parte do mundo. Os meios predominantes do aquecimento de uma casa eram as lareiras na sala de estar comum. As pessoas usavam uma grande quantidade de roupas, até mesmo para a cama. Os sistemas de aquecimento rudimentar foram projetados no início de 1800. O desenvolvimento de fornos e caldeiras, alimentados por eletricidade ou gás natural auxiliou bastante na praticidade do sistema de aquecimento central.

Projeto

Wheeler e Strutt desenvolveram e aprimoraram o sistema de ar quente, mas os seus esforços foram limitados pela fonte de calor em uso naquela época: um fogão. Os fogões necessitavam de muita manutenção para garantir que o fumo não fizesse toda a estrutura explodir, já que o fogo não saía e a estrutura não acendia sozinha. O calor é distribuído em todas as áreas de uma residência através da radiação, condução e convecção. Num sistema de ar quente, o sistema de distribuição de calor é composto de condutas, sopradores ou ventiladores. Num sistema de água quente distribui o calor através de tubos e radiadores.

Uso contemporâneo

Já nos meados do século 20, o aquecimento tornou-se comum, principalmente no nordeste do Estados Unidos e em grande parte da Grã-Bretanha. Uma caldeira aquece a água, que corre através de tubos para os radiadores que aquecem os quartos. Noutros lugares nos Estados Unidos, uma fornalha aquece o ar que é espalhado por toda a casa através de condutas e ventiladores.


A maioria de nós aínda se recorda da infância não só muito fria, mas de toda a família reunida em volta da lareira compartilhando histórias e calor. Assim o aquecimento central tornou confortáveis todas as áreas da casa e o local de trabalho.

Veja toda a nossa gama para aquecimento central.

   
  • image
   
  • image
   
  • image
   
Poweres by Webiarte ↑↑↑